Menu

Porque Algumas Pessoas Têm Tanto Medo de Dentista

janeiro 28, 2018 - Ecologia Dental
Porque Algumas Pessoas Têm Tanto Medo de Dentista

 

Hoje eu quero falar porque muitas pessoas tem tanto medo de dentista.

Muitas pessoas têm muito de dentista e isso acaba se transformando em um problema sério para elas principalmente, mas também para os dentistas que estão atendendo.

Por que isso acontece?

Na grande maioria dos casos é um medo que já vem da infância, começou já na infância, porque tem uma historia que muitas vezes a família já colocava medo nessa criança, nessa pessoa quando era criança.

Porque a criança não tem medo, a criança não tem medo de nada, a não ser quando alguém a amedronta a respeito daquele tema.

Então em relação ao dentista muitas vezes as pessoas ficam ameaçando que vão levar para ela tomar injeção, que vão levá-la pro dentista e com isso ela cria um medo, cria um temor, porque ficam ameaçando, então ela já vê logo que é uma coisa ruim, aí no dia que precisa levar essa criança, ela não quer ir.

Então, muitos adultos com esse medo que foi colocado no seu subconsciente quando ele era criança, crescem com ele e mesmo na idade adulta continua com esse problema.

Algumas outras pessoas não, às vezes elas passaram realmente por episódio muito desagradável na cadeira do dentista, às vezes porque não foram levadas para um tratamento logo cedo, deixaram que a situação dessa dentição se agravasse, aí quando ela foi ter que ir ao dentista a primeira vez, ela já foi com muita dor, às vezes com dente inflamado e ai acabou passando uma situação realmente traumatizante, ficou marcada no seu subconsciente, isso pode ser mudado.

Hoje, você tem várias maneiras de tornar o tratamento odontológico mais agradável.

Imagina se você tem esse tipo de medo, imagina você superar esse medo, ai você pode encontrar dentista que estão focado em ajudar esses paciente que têm esse problema e causar uma nova realidade que esse paciente supere essa situação e passe a encarar o tratamento odontológico de uma forma diferente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *